DOMINGO DO BOM PASTOR

1ª Leitura: Atos 13,14.43-52

Salmo 99 (100)

2ª Leitura: Ap 7,9.14b-17

Evangelho: Jo 10,27-30 - "Eu dou a vida eterna para minhas ovelhas."

+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo João
Naquele tempo, disse Jesus: 27As minhas ovelhas escutam a minha voz, eu as conheço e elas me seguem. 28Eu dou-lhes a vida eterna e elas jamais se perderão. E ninguém vai arrancá-las de minha mão. 29Meu Pai, que me deu estas ovelhas, é maior que todos, e ninguém pode arrebatá-las da mão do Pai. 30Eu e o Pai somos um. Palavra da Salvação.
 
 

Jo 10, 27-30 - “O Pai e eu somos um”
O texto de hoje situa-se no contexto de uma polêmica nos arredores do Templo entre Jesus a as autoridades judaicas, na ocasião da Festa da Dedicação do Templo. Nos versículos anteriores, as autoridades desafiaram Jesus para que se declarasse abertamente o Messias. Ele respondeu que já tinha mostrado isso muitas vezes, através das suas obras, mas que eles não queriam acreditar, pois não eram as suas ovelhas.

Assim, fica claro que as ovelhas são os discípulos, pois o verdadeiro discípulo ouve a palavra do Senhor e o segue. São conhecidos por Ele - e aqui cumpre lembrar que na linguagem bíblica, a palavra “conhecer” tem conotações mais profundas do que no nosso uso comum. Significa não tanto um saber intelectual, mas uma intimidade profunda do amor. Assim, a bíblia muitas vezes até usa o verbo “conhecer” para significar relação sexual. Assim, Maria questiona o anjo, pois Ela “não conhece” homem (Lc 1, 34). O verdadeiro discípulo é aquele ou aquela que realmente tem um relacionamento de intimidade com Deus e que põe em prática a sua palavra. E quem conhece Jesus, conhece o Pai, pois “o Pai e eu somos um”, como diz Jesus no nosso texto.
O versículo 28 afirma que Jesus dá a vida eterna aos seus seguidores. Esse é um tema típico de João e outros textos do Evangelho podem nos ajudar a aprofundá-lo. No Último Discurso, Jesus explica em que consiste a vida eterna: “A vida eterna é esta: que eles conhecem a ti, o único Deus verdadeiro, e aquele que tu enviaste, Jesus Cristo” (Jo 17, 3). Mais uma vez, liga o conceito da vida eterna com O de “conhecer”. Mas em que consiste “conhecer” a Deus?
O profeta Jeremias pode nos esclarecer. Em um trecho contundente, onde ele enfrenta o Rei Joaquim e o condena por não pagar os salários dos seus operários na construção do seu palácio, Jeremias diz o seguinte, referindo-se ao falecido rei justo Josias: “Ele julgava com justiça a causa do pobre e do indigente; e tudo corria bem para ele! Isso não é conhecer-me? - oráculo de Javé” (Jr 22, 16). Conhecer Deus não é em primeiro lugar um exercício intelectual, mas uma atitude de vida - a prática da justiça, especialmente em favor do oprimido e fraco. Segundo João, então, a vida eterna é o prêmio de quem pratica a justiça de Deus - proposta dos discípulos de Jesus - e não dos que “sabem” muita coisa sobre Deus, mas que não praticam a justiça - representados no texto de hoje pelas autoridades do Templo.
O nosso texto nos traz motivo de muita coragem, pois, afirma que ninguém vai arrancar o verdadeiro discípulo da mão de Jesus (v. 28). Mas, também nos desafia para que verifiquemos se somos realmente discípulos verdadeiros, se conhecemos Jesus e o Pai, isto é, se praticamos a justiça do seu projeto. Pois, a prova de ser verdadeiro discípulo está na prática das obras do Pai, e não no conhecimento teórico de religião.

+ Tomaz Hughes SVD

Paróquias em São Paulo se reúnem para estudar Sínodo para a Amazônia e programar ações concretas

16-09-2019 Notícias da congregação

Um número de 50 pessoas entre leigos e religiosos de diversas regiões e dez paroquias de São Paulo reuniu-se no Centro Cultural Missionário Santíssima Trindade em São Paulo para um estudo do instrumento de trabalho sobre o Sínodo para a Amazônia. O encontro foi convocado pela Vivat Brasil, um ramo de Vivat Internacional, que é uma rede formada por 14...

Leia Mais

Ordenação Diaconal na Paróquia Santo Arnaldo Janssen em Diadema (24/08/2019)

28-08-2019 Notícias da congregação

No dia 24 de agosto de 2019, na Matriz da Paróquia verbita Santo Arnaldo Janssen em Diadema, às 19 horas começou a ordenação diaconal de três jovens verbitas: Gêverson Marcelo de Oliveira, Jwakim Ekka e Ronaldo Alves Oliveira. Eles receberam o primeiro grau da ordenação sacerdotal pela imposição das mãos de Dom Pedro Carlos Cipollini, bispo diocesano de Santo André-SP...

Leia Mais

Intenção do Papa Francisco para o mês de SETEMBRO de 2019

22-08-2019 Notícias da Igreja

A proteção dos oceanos (Pela Evangelização) Para que os políticos, os cientistas e os economistas trabalhem juntos pela proteção dos mares e dos oceanos. Reflexão CUIDAR DA NOSSA CASA - O mês de setembro inicia com a Jornada Mundial de Oração pelo cuidado da Criação, instituída pelo Papa Francisco. A celebração deste dia é uma chamada de atenção a todos pela necessidade urgente...

Leia Mais