Porto Rolim de Guaporé - Rondônia: Novo Desafio da Missão

Porto Rolim de Guaporé-RO, para os amantes de pesca selvagem, é um lugar ideal, cheio de aventura e adrenalina pura para pescar. Durante o mês de junho, até setembro, segundo a informação, é a alta temporada da pesca. Muitos turistas vêm de todo Brasil para se aventurar nesse lugar, que fica na fronteira entre Brasil e Bolívia, apenas para pescar. Para os Missionários do Verbo Divino, esse é a nova fronteira da missão. No início do ano de 2017, essa comunidade foi colocada na administração da paróquia Nossa Senhra da Penha, Alta Floresta D´Oeste-RO. Localizada na Diocese de Guajará-Mirim-RO, essa comunidade praticamente ficava isolada e não teve visita regular dos padres dessa diocese por conta da distância. Os padres missionários sempre chegaram de barco, navegando ao longo do Rio Mequém e Rio Guaporé, para visitar essa comunidade. Não houve data certa para a visita pastoral, então, por conta disso, as lideranças dessa comunidade iniciaram uma conversa junto com os bispos das duas dioceses, Guajará-Mirim e Ji-Paraná, também com os padres verbitas da paróquia Nossa Senhora da Penha, para ver a possibilidade de ser a comunidade atendida pelos padres verbitas. O pedido foi atendido e desde início do ano de 2017 essa comunidade vem recebendo visita pastoral dos padres verbitas regularmente.

De Alta Floresta D’Oeste até Porto Rolim leva mais ou menos 6 horas de viagem de carro, numa distância de aproximadamente de 160 km. A estrada é muito precária, cheia de buracos; lama na época de chuva e poeira na temporada de verão. Chegando em Porto Rolim, precisa-se ainda andar mais de 20 minutos de voadera (lancha), para chegar na comunidade. Na visita para Porto Rolim, os padres também aproveitam e visitam, celebrando os sacramentos em algumas comunidades ao longo da estrada.

Na ausência dos padres, o povo dessa região se apega à devoção do Divino Espírito Santo. Na contagem do povo daqui, desse ano já aconteceu 124º Festival do Divino Espírito Santo. Esse festival ocorre ao longo do ano, quando o ícone do Espírito Santo é levado para visitar várias comunidades ao longo do rio Guaporé, ambos no Brasil e na Bolívia. Diferentemente do povo que mora em Alta Floresta D’Oeste-RO, que, na sua maior parte, são descendentes do Sul do Brasil, maioria do povo dessa região é mistura entre descendentes dos quilombolas que vieram de Mato Grosso e os índios daquela região.

Recentemente, Pe. João Batista (Provincial) e Pe. Clemens (Animação Missionária) participaram na segunda visita nessa comunidade junto com Pe. Georges e Irmã de Alta Floresta. Nessa visita, durante a missa, houve celebração do batismo de dois jovens e um casamento. Além disso, nos três dias da visita nessa comunidade, Pe. Georges, junto dos catequistas da etapa da Primeira Eucaristia, visitou os pais das crianças da catequese, enquanto Pe. João Batista e Pe. Clemens foram visitar alguns doentes e idosos da comunidade.

Pe. Clemens Naben, SVD (Animação Missionária)

Formação Permanente com Leig@s Verbitas

 

Nos dias 02-04 de julho, aconteceu em Suzano, na Casa Nazaré, a Formação Permanente. Aproveitando o Anodo Laicato na Igreja do Brasil foram convidados os Leigos e Leigas das nossas paróquias verbitas. No encontro foi aprofundada a reflexão sobre o Documento 105 da CNBB – “CRISTÃOS LEIGAS E LEIGOS NA IGREJA E NA SOCIEDADE” e Constituição Dogmática Sobre a Igreja, nº 31. O tema do Ano do Laicato é: “Cristãos leigos e leigas, sujeitos na ‘Igreja em saída’, a serviço do Reino”; e como lema: “Sal da terra e Luz do mundo (Mt 5,13-14)”. Como Igreja, Povo de Deus, temos neste ano como objetivo principal, celebrar a presença e a organização dos cristãos leigos e leigas no Brasil; aprofundar a sua vocação, identidade, espiritualidade e missão; Sobretudo, queremos testemunhar Jesus Cristo e seu Reino na sociedade. Precisamos reconhecer que uma grande parte de batizados ainda não tem uma plena consciência de sua pertença à Igreja. Sentem-se católicos, porém, não Igreja. Persiste também nesta realidade, uma forte mentalidade clerical que dificulta o protagonismo e a corresponsabilidade e a participação do leigo como sujeito eclesial.

Vale a pena ressaltar que foi um momento histórico da nossa Província Central, que trabalha no estado de São Paulo e tem um Distrito no Norte do País, em Rondônia e Humaitá-AM. Pela primeira vez participaram Leigos e leigas de todas as paroquias onde trabalhamos, também do Norte. Foi um momento fantástico de convivência, partilha e reflexão. A partir do “chão” de onde as pessoas vieram, foi feita a reflexão do encontro. No final foram marcados alguns compromissos no nível do distrito, que se encontram no fim deste artigo, depois das fotos. Toda a reflexão foi assessorada por DANIEL SEIDEL, que faz parte da Comissão dos(as) Leigos(as) na CNBB e é assessor político do desse organismo.

Estavam presentes Leigos(as) das paróquias:

·         Distrito Santo Amaro: N. Sra. Aparecida (Jd. Miriam), N. Sra de Fátima (Vila das Belezas), Divino Espírito Santo (Pq. Regina).

·         Distrito Zona Leste: São Marcos (Pq. São Rafael), São Paulo Apóstolo (IV Centenário), Santo Arnaldo Janssen (Diadema), N. Sra. Auxiliadora dos Cristãos (Jacareí), Santa Suzana (Suzano)

·         Distrito Litoral Sul: N. Sra. das Neves (Iguape), N. Sra. Estrela do Mar (Ilha Comprida), Santo Antônio (Juquiá)

·         Distrito Rondônia: Santa Luzia (Santa Luzia D’Oeste-RO), N. Sra. da Penha (Alta Floresta D’Oeste-RO), São Domingo Sávio e área missionária Beiradão (Humaitá-AM)

Apesar dos(as) leigos(as) participaram também missionários do Verbo Divino, padres e irmãos, que trabalham nas paróquias e outras áreas e dimensões da província.

Desejamos como fruto dessa formação, que os leigos e leigas sejam, como sal da terra e luz do mundo, sujeitos na Igreja em saída, a serviço do Reino. A nossa gratidão e oração a todos os leigos e leigas que enriqueceram com a sua presença nossa formação permanente.
Façamos todos a nossa parte. No amor do Verbo Divino sejamos alegres na esperança, perseverantes na oração e fortes na tribulação.

Compromissos Distrito Litoral SUL:

Compromissos Distrito Rondônia:

Compromissos Distrito Santo Amaro:

Compromissos Distrito Zona Leste:

 

 

 

Novo Superior Geral da SVD

No dia 4 de julho de 2018, os capitulares da Congregação do Verbo Divino (SVD) reuniram-se no Centro Ad Gentes em Nemi, Itália, para o 18º Capítulo Geral, onde foi eleito Pe. PAULUS BUDI KLEDEN, SVD como o 12º Superior Geral da Congregação do Verbo Divino.

Pe. Budi Kleden nasceu na Indonésia em 1965. Ele se entrou na Congregação do Verbo Divino em 1985. Fez sua primeira profissão de votos em 1987, depois os votos perpétuos em 1992. Ele foi ordenado sacerdote em 1993. Estudou a teologia em Sankt Gabriel (Áustria). Seu primeiro destino missionário foi para a Suíça (1993-1996), depois para a casa de formação em Ledalero (Indonésia). Foi membro do Conselho Provincial da Província da ENDE (Indonésia), de 2005 a 2008. Em 2012, foi eleito Conselheiro Geral. Reconhecendo sua capacidade o capítulo geral o escolheu para assumir o cargo de Superior Geral.

Pe. Paulo (no meio) com últimos dois Superiore Gerais - Pe. Antônio Pernia (a esquerda) e Pe. Heinz Kulüke (a direita)

Agosto: mês de rezar por todas as vocações na construção de uma cultura vocacional

04-08-2018 Notícias da Igreja

Tema:    “Seguir Jesus a luz da fé”  Lema: “Sei em quem acreditei” (2Tm 2,12).  A Igreja no Brasil celebra todos os anos durante o mês de agosto, o Mês Vocacional e os quatro domingos já contam com sugestões de oração, que foram elaboradas pela Pastoral Vocacional do Brasil em parceria com a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). Este ano...

Leia Mais

5º Congresso Missionário Americano (CAM 5)

26-07-2018 Notícias da Igreja

“Devemos, como Igreja, ter um reconhecimento institucional da mulher por sua presença, por seu amor”  O presidente das Pontifícias Obras Missionárias da Bolívia e coordenador geral do 5º Congresso Missionário Americano (CAM 5), dom Eugenio Scarpellini, fez uma avaliação geral do congresso na última coletiva de imprensa concedida nesta sexta-feira, 13, aos jornalistas da imprensa católica que cobriram os cinco dias...

Leia Mais

Logotipo do Sínodo da Amazônia é divulgado

26-07-2018 Notícias da Igreja

Criação é do artista baiano Aurélio Fred  Durante a apresentação do Documento Preparatório do Sìnodo da Amazônia, a REPAM- Brasil, divulgou o logotipo do evento. A criação é do artista baiano Aurélio Fred, do Ateliê 15. Arte elaborada no Brasil e aprovada para uso na Amazônia    “A base para a logo é uma folha, que nos aponta para toda a biodiversidade presente na...

Leia Mais