Pe. Patrício Dillon, nasceu em Cork na Irlanda em 1941. Seus pais já falecidos deixaram cinco filhos, dos quais 4 ainda se encontram na Irlanda: John e Eamonn e Alice e Eleonor.

No ano de 1969 fez o seu noviciado dentro da Congregação dos Missionários do Verbo Divino e em 1975 foi ordenado sacerdote.

Logo em seguida a sua ordenação, Patrício veio para o Brasil trabalhando em várias de nossas paróquias. Iniciou em Araraquara, mais tarde, passando pela Vila das Belezas, na Diocese de Campo Limpo. De lá foi transferido para o Vale do Ribeira, na Diocese de Registro onde esteve em algumas paróquias como Iguape, Cajati, Iporanga e Ilha Comprida. Seu último lugar de trabalho foi Vista Alegre do Alto, na Diocese de Jaboticabal, onde ficou seus últimos seis anos até março deste ano quando veio para a Comunidade São José Freinademetz, preparando-se para as suas férias na Irlanda.

Por onde passou, Patrício deixou saudades, pois era uma pessoa muito amável e amiga de todos. No seu jeito simples de ser, cativava as pessoas e a todas tinha um tempinho para gastar com bate-papos, brincadeiras e piadas. As visitas aos doentes e as confissões eram características próprias de seu trabalho pastoral. Como um bom corintiano que foi, não perdia tempo, mas com todos mexia exaltando sua paixão do futebol.

Seu falecimento se deu depois de um atropelamento, logo em seguida a santa missa por ele celebrada no Convento Santíssima Trindade, no dia 31 de maio de 2017 às 19:10h. Interessante que durante sua pregação, Pe. Patrício dizia às irmãs que gostaria de permanecer sempre no Brasil e sua morte vem concretizar, portanto, esse seu sonho.

Dai-lhe, Senhor, o repouso eterno! E a luz perpétua o ilumine! Descanse em paz! Amém.

Assista ao vídeo

Pastoral da Mobilidade Humana

07-12-2018 Notícias do Mundo

Fotos/Fonte: tveast.dk "Multidões cansadas e abatidas: gente sem raiz, sem pátria e sem destino, com o futuro incerto e inseguro. Multidões que erram pelas estradas do êxodo, do deserto, do exílio e da diáspora. Não como o Povo de Israel no Antigo Testamento, que ao menos nutria-se na travessia com o sonho da Terra Prometida; tampouco como as primeiras comunidades cristãs, que no caminho podiam-se...

Leia Mais

Papa Francisco: "Eu sou assim livre diante de Deus?"

06-12-2018 Notícias da Igreja

Comentando sobre o menino argentino que tomou a cena na Audiência Geral. O menino tem sete anos tem autismo e não fala. A espontaneidade e curiosidade do menino que quis verificar se o guarda suíço - estava vivo, e após a comprovação a sua vivacidade em circular espontaneamente  conquistou o Papa que fez um belo comentário espontâneo.    Fotos: vaticannews.va/pt https://youtu.be/qXEoCXYsnPg

Leia Mais

Em 2019 um mês extraordinário para a missão

06-12-2018 Notícias da Igreja

Por Pe. Fabrizio Meronni*  O Papa Francisco proclamou outubro de 2019 como Mês Missionário Extraordinário com o objetivo de: “despertar em medida maior a consciência da missio ad gentes e retomar com novo impulso a transformação missionária da vida e da pastoral”. Trata-se de acontecimento eclesial de grande importância que abrange todas as Conferências Episcopais, os membros dos institutos de vida consagrada, as...

Leia Mais